Estilhaçar

É tão íntimo o que acontece dentro de cada palavra.... quando se rompem os conceitos, quando se quebram as cascas. Despir palavras. O que há dentro do poro da pedra? E na nervura da folha? Poesia é união, é encontrar elos entre um oceano e uma agulha, é estreitar vínculos entre uma caneta e um pedaço de pão. É dar as mãos. O caos e o amor. Abrir frestas para estilhaçar o mundo em cacos de luz.