passou…
tanta coisa
passou
passou o trem, passou o tempo
o vento levou
me transpassou
atravessou
rápido, raio
passou em cheio
passou em torno
sopro de soslaio
passou, entrou, transformou
saiu
prosseguiu
voou
me deixou a ver navios
de um tempo esfarelado
pelas traças extintas
passou o arrepio
passou o turbilhão
passou o que ficou em mim
à 7 palmos no chão
esfacelado
meu coração
passou