Ninho

Quero acampar no seu peito
Fechar os olhos e deixar o ritmo do seu coração
Mudar meu mundo
Beijar essa terra quente e úmida
Que hoje é acolhida e esteio
Para o meu corpo andarilho
Quero reconhecer o sotaque do seu cheiro
E dormir sobre as estrelas da sua pele
Quero ser hospede do seu abraço
E convidada de seus carinhos
Restaurar as forças nesse nosso silêncio
Que esta noite seja meu ninho