Flor e ser

Desculpe eu não poder te oferecer muito,
mas é que este ano eu já floresci.
E já não me sobra mais nem uma pétala,
uma cor, um cheiro, um encanto...
É madrugada de inverno e eu não tenho calor para dois.
Mas olha, se quiser ficar,
pode segurar uma de minhas folhas verdes
com a ponta dos dedos
e ir brincando com a esperança.
Quem sabe
você ainda esteja por perto
quando eu vier a florescer novamente.
Só peço:
Não desperdice adubo no vento.