Só por hoje

Só por hoje
Me deixa fechar os olhos
Me guia como cega, me carrega um pouco no colo
Canta uma música de ninar dizendo que o amor existe 
Me deixa voar longe e me vigia enquanto eu sonho
Me deixa me perder sem ter o mapa de volta
Me deixa viver sem saber da morte
Eu me solto nos teus amplos braços 
E não quero prestar atenção nos perigos
Me deixa ser criança
E brincar sem futuro
Me deixa mergulhar no familiar
Seja minha escada, minha alma estendida, olhos paternos - condizentes e cuidadosos
Seja um peito leito e um útero mundo
Porque hoje
eu só queria flutuar
Eu só queria o amor que fosse 
Liberdade e segurança 
Intensidade e serenidade
Paixão e porto seguro
Céu e chão
Porque até quem tem longas asas e vastos horizontes 
precisa de um pouco de pouso
Que esse amor seja límpido e profundo
para que eu possa fechar os olhos
Só por hoje