Antes da primavera

quando eu for
terei que deixar
os pássaros voltando
para os galhos semi nus 
das árvores
e as folhas brotando
e a cada manhã
a imagem de uma nova flor
se exibindo 
na janela

terei que ir
antes que a primavera 
se instaure
definitiva
a poluir os olhos
de encantamento

os trens 
têm mais promessas
no inverno
ainda convidam
para ir além
para resgatar os sonhos
e procurar verões

vou 
antes que 
a primavera
se instaure
e iluminada
e de sorriso aberto
e cheia de festa
venha querer 
entorpecer
a dor